fbpx

Pesquisa Shopping Center – Campanha de Mães de 2017

Orange Paper

Shopping Centers de todo país interrompem jejum e realizam campanha do Dia das Mães

Dos 192 centros de compra pesquisados pelo Orange Paper, 82% promoveram o Dia das Mães (segunda data mais importante para o varejo) e 20% retomaram campanha com o Dia dos Namorados

Os sinais de melhora da economia já refletem na mudança de estratégia adotada pelos Shopping Centers para promover o Dia das Mães. Neste ano, dos 192 centros de compra pesquisados pelo Orange Paper, estudo divulgado pela célula de inteligência da GS, 82% realizaram campanha; em 2016, esse índice foi de 81%. Embora o crescimento tenha sido de 1%, é um indicador de confiança importante porque interrompe um período de queda, que se arrastava desde 2013, no número de shoppings que deixou de fazer campanha justamente na segunda data mais importante para o varejo. Outro indício de otimismo foi a retomada de 13 pontos percentuais, entre 2017 e 2016, na realização das promoções mais longas, as unificadas com o Dia dos Namorados. Em consequência, 40% dos shoppings adotaram ações com duração de 16 a 30 dias neste ano, em comparação a 34%, em 2016.

A pesquisa mostrou também que o tipo de ação Compre-Ganhe vem ganhando espaço desde o ano passado como estratégia eficaz e econômica para atrair mais compradores. A quantidade de shoppings apostando nessa modalidade saltou de 36%, em 2016, para 54%, em 2017. O mesmo movimento tem ocorrido com as campanhas de Sorteio + Compre-Ganhe realizadas simultaneamente desde 2013. Desse período até o momento, essa ação teve um crescimento de 23 pontos percentuais.

Segundo o Diretor de Inteligência da GS, Fernando Gibotti, “a ação Compre-Ganhe é um bom sinal porque viabiliza uma parceria entre fornecedor e shoppings, que beneficia o consumidor. Se a indústria ajuda com a distribuição dos brindes, o custo das ações diminui e os malls ampliam a oferta de brindes. Além disso, o fornecedor fica mais próximo dos consumidores por meio de suas marcas. É uma estratégia B to C que vem se fortalecendo no mercado”.

Para participar do tipo de ação Compre-Ganhe deste ano, o consumidor precisava gastar entre R$ 300 a R$ 399 em 33% dos shoppings que adotaram essa modalidade na campanha do Dia das Mães deste ano. Houve uma retração do fator de R$ 200 a 299 de 23%, em relação a 26% no ano passado, interrompendo a tendência de crescimento entre 2014 e 2015. Cosméticos lideraram a lista dos prêmios oferecidos por 23% dos centros de compra neste ano. Em 2016, o item premiava consumidores em apenas 5% dos shoppings que fizeram a ação Compre-Ganhe.

Como reação à baixa dos fundos promocionais, os shoppings adotaram o Vale-Compra como o segundo prêmio mais oferecido nos Sorteios. Essa tática tem sido cada vez mais adotada pelos malls. Entre 2016 e 2017, o Orange Paper registrou um aumento de seis pontos percentuais na utilização do Vale-Compra, tornando-se o segundo prêmio mais importante nessa categoria; o automóvel ainda foi a primeira atração dos Sorteios.

Para participar dos Sorteios, o fator de troca entre R$ 200 a R$ 299 caiu para 28% em 2017, em comparação com 37% apurados no ano anterior. Em contrapartida, o fator de troca mais adotado pelos shoppings, entre R$ 100 a R$ 199, deu um salto de 18% em 2016, para 29% neste ano; um crescimento de 11 pontos percentuais. É uma indicação de que os centros de compra apostaram em um ticket de compra menor neste ano.

GSGroup-OrangePaper-Maes-2017

 

Direção
Dr. Fernando Gibotti

Pesquisa
Gabriel Furlanetto
Guilherme Flores
Wladimir D´Andrade

Estatística
Aline Tanaka

Análise
Eduardo Donoso
Evandro Alampi

Comunicação
Renata Hernandes